Lançado Mapa de Capacidade de Suporte das Pastagens brasileiras versão beta


Confira o nosso Mapa de Capacidade de Suporte das Pastagens brasileiras em versão beta, com base no qual, aproximadamente 40% da área total de pastagens no Brasil suportam menos que 0.9 Unidade Animal (UA) por hectare.

Metodologia

Para a geração deste mapa utilizou-se uma imagem de produtividade, obtida por meio do Gross Primary Production (GPP), o Mapa Síntese de Pastagem na sua versão 5.5 e a lotação animal (UA/ha) da Bacia Hidrográfica do Rio Vermelho (BHRV), considerando o sistema extensivo de produção animal, o qual representa o sistema de produção dominante no país.

Já para a obtenção da produtividade foi feito o somatório das imagens GPP (kg C m²) do produto MOD17A2H de Outubro de 2014 a Abril de 2015 e estas foram divididas por 180 para a obtenção de uma estimativa média diária da produtividade das pastagens durante o período de crescimento.

Calculou-se a média do GPP diário para as áreas de pastagem da BHRV, obtendo-se um valor de 0,04 toneladas de carbono por hectare. Sabendo-se, por meio do trabalho de Oliveira & Couto (2016), que a lotação animal da BHRV das áreas de pastagem sobre o sistema de produção tradicional é de 0,9 UA/ha foi feito a relação entre o GPP diário e a lotação animal (UA/ha), sendo que esta relação é feita considerando diferentes valores de lotação animal. Por fim, a imagem GPP diária foi reclassificada em sete classes e os valores de GPP diários foram associados aos valores de lotação animal, obtendo assim um mapa de lotação animal conforme a produtividade das pastagens, o qual foi denominado de Capacidade de Suporte.

Para acessar, clique aqui.

Copyright © 2020 Pastagem.org. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um Software Livre liberado sob os termos da Licença Pública Geral GNU.